Blog

Postado em 13 de Março de 2015 às 13h59

SINDUSCON: POSSE DA NOVA DIRETORIA 2015/2016

A nova diretoria do Sindicato da Indústria da Construção e de Artefatos de Concreto Armado do Oeste (Sinduscon), comandada pelo empresário Jean Carlo Baldi, assumiu a gestão 2015/2016 da entidade durante tomada de posse em solenidade realizada no Clube Recreativo Chapecoense, em Chapecó. O evento reuniu mais de 200 pessoas entre autoridades políticas e empresariais, associados, imprensa e demais convidados. A presidência foi transmitida pelo presidente da gestão 2013/2014, José Brill Wolff.

Em seu discurso, novo presidente enfatizou que as empresas, especialmente aquelas filiadas ao sindicato, investiram em tecnologia, em equipamentos que modernizaram muito os canteiros de obras e, principalmente, melhoraram as condições de saúde e segurança do trabalho. “Isso é facilmente percebido quando comparamos as condições atuais das obras com as que tínhamos há uma década”.

O dirigente também destacou a maior interatividade com os diversos órgãos públicos e entidades que regulamentam, fiscalizam ou interagem com as atividades do setor. “Pretendemos estender esse diálogo e avançar ainda em harmonia nas relações institucionais. Também é necessário colaborar no esforço coletivo de melhoria das condições de produtividade das empresas, da qualidade das condições de trabalho e do retorno social que compete ao setor da construção civil do município e região”.

As oscilações da economia e a insegurança jurídica que permeia todas as atividades dos setores produtivos no Brasil e torna a decisão de empreender um grande ato de coragem, também foram assuntos abordados por Baldi. “Necessitamos que o poder público alinhe suas ações, diretrizes e políticas no sentido de desburocratizar e destravar a máquina pública que interfere em todos os ramos do setor produtivo. Precisamos encontrar novos caminhos que não sejam os aumentos de tributos para resolver as ineficiências da máquina estatal”.

O presidente da Câmara de Desenvolvimento da Construção de Santa Catarina (CDIC), João Formento, realçou que em Santa Catarina conta com mais de 116 mil trabalhadores formais empregados no setor contra cerca de 38 mil registrados há cerca de dez anos. De junho de 2013 até o final de 2014, Santa Catarina contratou 111 mil trabalhadores de carteira assinada e foi o segundo setor que menos demitiu.

Conforme dados da Fundação Getúlio Vargas (FGV), houve queda de 0,34% no país, porém Santa Catarina foi o único Estado da federação que registrou alta de 1,19% com 5.719 novos postos de emprego. “Na região Sul somos a terceira região do país que mais emprega trabalhadores no setor, levando sustento para mais de 400 mil famílias brasileiras”, completou Formento.

O presidente da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (FIESC), Glauco José Corte, mencionou a necessidade de medidas que estimulem o crescimento do Estado e valorizou a contribuição do oeste para a economia catarinense e nacional. “Os empreendedores desta região deveriam ganhar medalha do Governo pela significativa produção e por conseguir transportar em rodovias precárias e sem duplicação”, opinou, ao ressaltar as graves deficiências infraestruturais do oeste que afetam a competitividade das empresas.

Fonte: MB Comunicação

Veja também

AUMENTA BUSCA DE PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS POR CRÉDITO09/03/15 As empresas aumentaram em 5,8% a procura por crédito, em fevereiro, em relação a janeiro, e 4,8% sobre o mesmo mês do ano passado. Nos dois primeiros meses do ano, essa busca cresceu 5,6%. Os dados são da pesquisa Indicador Serasa Experian de Demanda das Empresas. As micro e pequenas empresas lideraram a busca por crédito, com alta acima da média de 6,2% na......
DIA DO CONSUMIDOR13/03/15 Ao longo de 25 anos do Código de Defesa do Consumidor, o cidadão ficou mais consciente de seus direitos na hora de comprar produtos e serviços e quando precisa reclamar de algum problema no processo. A opinião é da......

Voltar para NOTÍCIAS